Raças de cães braquicefálicos

Gostava de ter um cachorro braquicefálico?

Quer saber que raça escolher?

Sabe os cuidados que deverá ter?

Este artigo é para si.

 

O que são cães braquicefálicos?

A palavra braquicefálico vem do grego “braqui” (curto) e “cefálico” (cabeça). A braquicefalia canina é a forma achatada e larga do crânio (cachorro de cara amassada). O crânio braquicefalo apresenta-se como se sofresse uma compressão fronto-caudal. Os cachorros braquicefálicos são o resultado da selecção artificial devido à afinidade cosmética sentida por estas características.

Quais são os riscos para a saúde em raças braquicefálicas?

Devido ao achatamento da face e do nariz, estas raças sofrem de vários problemas, incluindo o síndrome braquicefálico. A procura por cães com o focinho cada vez mais achatado tem levado à selecção genética que origina problemas desde o início da vida.

Os problemas mais comuns incluem:

Irritação das pregas de pele: com o achatamento dos ossos há excesso de pele que forma pregas. Nas pregas, a humidade e calor levam ao crescimento de bactérias e fungos. Este problema poderá ser minimizado com lavagens frequentes destas zonas.

Protusão dos olhos: o achatamento leva a que o olho fique mais à superfície, tornando-o mais exposto a ficar seco ou a sofrer ulceração. Em casos graves, as pálpebras são incapazes de fechar e lubrificar o olho.

Problemas respiratórios (síndrome braquicefálico): os tecidos moles que não sofreram redução em comparação com o osso. Alongamento do palato mole, estenose das narinas (em forma de pequenos cortes em vez de narinas abertas), hipoplasia da traqueia (redução no tamanho) e ossos turbinados irregulares originam dificuldades respiratórias severas. Estas poderão evidenciar-se principalmente no exercício ou em ambientes quentes.

Cuidados a ter com cães braquicefálicos

Devido aos problemas discutidos anteriormente, os cachorros braquicefálicos deverão ter cuidados especiais:

  • Deverá evitar sujeitar o animal a temperaturas altas ou a situações de exercício ou stress extremo porque poderão originar dificuldades respiratórias.
  • Os olhos poderão sair das orbitas com a manipulação e a utilização de coleiras. Prefira o peitoral e tenha cuidado a manipular a cabeça do animal.
  • A gravidez destas raças deve ser acompanhada porque a grande cabeça dos cachorros muitas vezes impede o parto natural, tendo que se recorrer a cesarianas.
  • As pregas de pele deverão ser limpas com frequência para evitar dermatopatias que se possam desenvolver pela acumulação de sujidade e humidade.
  • A proximidade dos dentes pode originar tártaro e caries, por isso deverá ter atenção à higiene oral do cão.
  • Durante as viagens é necessário evitar a exposição a temperaturas elevadas. No casos de viagens em avião, é preferível viajar na cabine ao lado do dono e não no porão. Escolha horas de temperaturas mais amenas para viajar.
  • O exercício moderado é importante para a saúde do animal e evitar a obesidade. Quando o cachorro se demonstrar cansado, deixe-o repousar.
  • O cachorro deverá  ser seguido pelo médico veterinário. Por vezes são necessárias cirurgias do palato mole ou para corrigir a estenose das narinas de forma a garantir uma vida digna ao animal.

Conheça as raças de cães braquicefálicos:

Boxer

Raça seleccionada para ser cão de defesa por ser corajosa, obediente, forte e inteligente. No entanto, nos últimos anos tem sido utilizado como animal de companhia por ser brincalhão, meigo e de bom carácter.

cão braquicefálico

Bulldog inglês

Raça seleccionada para lutar, o que originou uma cabeça robusta, tórax musculosos e patas estáveis. É optimo cão de guarda e de companhia pois é bruto mas simpático.

Pequinês

Animal sagrado na China que só chegou à Europa no século XIX. Tem um comportamento altivo e indiferente. Gostam de ser o centro das atenções e por isso são competitivos, mas também afáveis e brincalhões.

Shih tzu

Criada pelos monges tibetanos como cão de guarda, foi seleccionado na Europa para o longo pêlo sedoso e porte altivo. Muito ligados à família, inteligentes e obedientes. O seu temperamento independente requer treino precoce.

Bulldog francés

Também conhecido como Frenchie. É um excelente cão de companhia e com um divertido temperamento. Tem um corpo curto e compacto e orelhas de morcego.

Boston Terrier

Criado originalmente para combate mas com uma personalidade carinhosa. São muito inteligentes e meigos, mas teimosos e hiperactivos. Têm corpos pequenos mas compactos.

Cavalier King Charles Spaniel

É um cão de companhia mas também é atlético. Uma das suas características é a cauda em constante movimento. Tem uma expressão meiga, é inteligente e tem uma personalidade calma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *